A PresidentA de Marcos Bagno

Hoje (11/01/2011) o twitter levou aos Trending Topics o nome de Marcos Bagno!


Pensei que ele tivesse morrido e esse era o motivo dos inúmeros tweets com seu nome. Mas não, grande parte dos tweets vinha com um link para a CartaCapital (clique aqui).

O fato de estar na parte de política já diz muito, mas não fico aí. Li o texto "Presidenta, sim!" já com aquele gosto estranho na boca, olhares de gato escaldado,  leitura de quem já sofreu o livro "preconceito linguístico: o que é e como se faz".

Não fiquei surpreso ao ler notícia velha, argumentos ralos mau usados e, MENTIROSOS?!?!?! Sim, mentirosos... (e isto me surpreendeu). Cito:

"Dilma Rousseff adotou a forma presidenta, oficializou essa forma em todas as instâncias
 do governo e deixou claro que é assim que deseja ser chamada. Mas o que faz a nossa
 “grande imprensa”? Por decisão própria, com raríssimas exceções, como CartaCapital
decide usar única e exclusivamente presidente."

Pois bem, abaixo segue a imagem do site www.dilma.com.br a página oficial da Presidente.

Podemos começar pelo nome do site, aquele lá na aba do navegador


Pois é, caro Marcos Bagno, mas não fica por aí.  O topo da página inicial é "1ª MULHER ELEITA PRESIDENTE DO BRASIL"



Leia mais antes de escrever, fica feio, "professor"...

ih, olha lá, caro Marcos, abaixo da assinatura: "Dilma Rousseff 1ª MULHER PRESIDENTE DO BRASIL"

Pois é, caro Marcos Bagno, ela assinou embaixo acima...

É tanta gente gastando tempo e dinheiro com essas baboseiras que me enoja. Mas, comparado a Marcos Bagno, quem sou eu? mero graduado em Letras, sou apenas um estudante.
Resta-me rezar como os judeus e dizer: “obrigado, Senhor, por eu não ter nascido mulher”. pois não suportaria ser chamado de estudantA.


Marcelo Aceti


2 comentários:

Ulisses disse...

Achei sua análise excelentA! :))

Alexandre Bastos disse...

"argumentos ralos mau usados"? Como é que alguém que não sabe a diferença entre MAU e MAL se anima a discutir gramática com um linguista como Marcos Bagno?
"Leia mais antes de escrever, fica feio, "professor"..." também acho. Fica muito feio.
O argumento de que os textos aparecem num sítio que utiliza a forma 'PRESIDENTE' e não 'PRESIDENTA" não invalida o fato de que as duas formas convivem, sendo que esta tem datação de 1872, portanto, mais de um século antes de Dilma Roussef.
Fraternas saudações.